O Universo expandido nos cinemas

A muito tempo atrás numa galáxia distante, começaram os filme com universo expandido, não era tão evidente como hoje, mas Star Wars deu uma pequena ajuda no que acontece hoje nos cinemas, e a MARVEL também, de alguma forma ajuda nisso, trazendo o universo expandido dos Vingadores, algo que fico estasiado em dizer.


Acredito que deveríamos agradecer a esses produtores por isso acontecer, pelo simples fato: se isso não tivesse acontecido, não teríamos grandes filme moldados dessa forma. Ainda ta por fora de quais filmes que estou falando?
Um exemplo é o que a Warner está fazendo, usando essa formula para fazer seus filmes, não só os de heróis, como Liga da Justiça ou Esquadrão Suicida, estamos falando do universo de Monstros.

Na última segunda feira, graças a internet, tive a oportunidade de finalmente assistir a Kong: A Ilha da Caveira, com um pé atrás fui assistindo em partes, uma pela manhã e a outra a noite, mas o problema é que eu pensava que esse filme era ruim, a vontade de ver no decorrer do dia aumentava ainda mais, então pude terminar o filme e, essa jogada de cena pós crédito é bizarro, pudemos ver o que pode acontecer nos próximos filmes, não de Kong, mas Godzilla e entre outros, expandindo essa Universo.


E não é só a Warner, mas também a Universal, que começou com Drácula Untold, com Luke Evans no elenco, um filme relativamente fraco, mas é o Iron Man da Universal, que irá continuar agora com a Múmia, um reboot dos filmes da década de 60/70′ e da década de 90′, que por sinal fizeram bastante sucesso.


Acredito que é uma boa forma de contar histórias vinculadas umas as outras, sem ser uma continuação, mas uma variação de um Universo maior, isso acaba gerando uma grande ansiedade por parte dos fãs, e faz com que as produtoras possam aumentar a qualidade de seus filmes, dando ao telespectador o melhor!

E ai? o que acha desses universos expandidos nos cinemas?

Seja o primeiro a comentar!
Avatar

Breno Madeira

Colecionador de Action Figures, fã de HQs e séries e publicitário em formação.